Como recorrer da multa por trafegar no acostamento?

Recursos de multas - Como recorrer da multa por trafegar no acostamento? - Recorra Aqui Blog

O acostamento, de acordo com o anexo I do CTB, tem duas finalidades principais:

  • É um espaço da via apropriado para que possamos parar ou estacionar veículos em caso de emergência.
  • É um espaço também destinado ao trânsito de pedestres e de ciclistas quando não há local apropriado para a circulação.

Portanto, embora a área demarcada seja uma extensão da pista, seu uso é destinado a fins específicos.

Além disso, o art. 37 define que em vias onde não há um local apropriado para efetuar uma conversão à esquerda e o retorno, o motorista deve esperar no acostamento¸ à direita, para poder cruzar a pista.

Quais as penalidades para quem trafegar no acostamento?

Definido o real uso do acostamento, é importante ressaltar as penalidades que o condutor que trafegar por essa área da pista sofrerá.

Tal conduta está prevista no art. 193 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB):

“Art. 193. Transitar com o veículo em calçadas, passeios, passarelas, ciclovias, ciclofaixas, ilhas, refúgios, ajardinamentos, canteiros centrais e divisores de pista de rolamento, acostamentos, marcas de canalização, gramados e jardins públicos:

Infração – gravíssima;

Penalidade – multa (três vezes).”

Nota-se que se trata de uma conduta de risco, o que configura uma infração gravíssima, fazendo com que o condutor receba 7 pontos da CNH e uma multa de R$ 880,41.

Além do artigo 193, o art. 202 também diz respeito à condutas que envolvem o acostamento da pista:

“Art. 202. Ultrapassar outro veículo:

I – pelo acostamento;

II – em interseções e passagens de nível;

Infração – gravíssima;

Penalidade – multa (cinco vezes).”

O que diferencia esta infração da descrita no art. 193, é o fato de utilizar o acostamento para ultrapassar outro veículo.

O valor da multa, nesse caso, é multiplicado por cinco e passa a ser de R$ 1.467,35. Além disso, considera-se que, simultaneamente, o condutor também está cometendo a infração descrita no art. 193.

Como recorrer?

É claro que nem todos os motoristas que cometem uma infração a fazem por vontade própria.

No caso do tráfego pelo acostamento isso é comum, como por exemplo em situações de emergência onde o acostamento é a única via que se possa utilizar.

Portanto, ao receber a Notificação de Autuação, geralmente, o condutor tem de 15 a 30 dias para formular sua defesa prévia e enviá-la ao órgão autuador.

O objetivo dessa fase de defesa é impedir que a autuação gere penalidades. Normalmente é onde identificamos falhas no preenchimento da infração, que resultam no cancelamento da multa.

Já na 1ª instância de defesa, a JARI (Junta Administrativa de Recursos de Infrações), composta por um colegiado do DETRAN de cada estado, a argumentação deve ser melhor construída e embasada.

Caso, a JARI indefira seu recurso, a 2ª e última instância de defesa é o CETRAN (Conselho Estadual de Trânsito) ou o CONTRAN (Conselho Nacional de Trânsito).

Porque o Recorra Aqui pode te ajudar a recorrer da multa por trafegar no acostamento?

Ao contratar os serviços do Recorra Aqui suas chances aumentam, uma vez que conhecemos as brechas da lei e as falhas dos órgãos de trânsito, além disso você terá uma defesa 100% personalizada, onde garantiremos o seu amplo direito de defesa para que você continue dirigindo, contando com a melhor assessoria técnica e personalizada sem sair de casa, de forma segura e 100% online, além disso:

  • Todo o esforço é por nossa conta. Nós elaboramos o seu recurso por inteiro. Você não precisa se preocupar.
  • Todos os recursos administrativos cabíveis estão incluídos. Precisou de Defesa Prévia? Vai precisar recorrer à JARI ou ao CETRAN? Nosso objetivo é que você tenha as maiores chances de sucesso sem ter que pagar a mais por isso.
  • Você não precisa ter nenhum conhecimento de lei ou técnico.
  • Se você tiver dúvidas, é só perguntar à nossa equipe. Você tem acesso a um técnico administrativo para tirar qualquer dúvida que tiver, inclusive pelo WhatsApp, sem custo adicional.
  • Nós conhecemos todos os erros dos órgãos de trânsito que podem ajudar a ganhar o seu  recurso. Sempre que identificamos um destes erros, redigimos um documento técnico para reverter o erro e ganhar o processo.

Finalmente uma maneira rápida, 100% dentro da Lei, feita por uma equipe experiente que vai te ajudar passo a passo a recorrer da sua multa e manter sua CNH.


Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco, ficaremos feliz em ajudá-lo.

Se você gostou, COMPARTILHE para que mais pessoas saibam como recorrer de suas multas de trânsito.

Compartilhe

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.