Como transportar animais domésticos

Sem classificação - Como transportar animais domésticos - Recorra Aqui Blog

Viajar, para quem tem animais de estimação em casa, nem sempre é uma tarefa fácil, mas hoje em dia já é possível levar os companheiros em viagens programadas, mesmo que seja de carro, ônibus ou avião. Há leis que garantem os direitos dos bichinhos de irem e virem em meios de transporte.

Inclusive há vários hotéis que aceitam a estadia do seu amiguinho de estimação.

Sabe-se que o cachorro ou o gato é um importante integrante da família. Por isso, há uma preocupação para que eles viajem confortavelmente e em segurança.

Primeiramente, deve haver um acompanhamento veterinário rotineiro, para que o animal esteja apto para tolerar viagens longas, evitando enjoos e possíveis comportamentos indesejáveis que podem acarretar um acidente de trânsito.

Resultado de imagem para cães no carro

 

A forma mais segura de viajar com os bichinhos, é garantindo que eles estejam presos, como se fosse um cinto de segurança. Assim, em casos de freadas bruscas ou colisões, eles estarão bem protegidos.

Para animais que pesam menos de 10 kg, uma ótima opção são as cestinhas. Elas ficam presos pelo encosto de cabeça e cinto de segurança do veículo e o animal fica dentro dela preso ao assento pela coleira.

Para animais que pesam mais de 10 kg, o cinto de segurança para cães é o ideal. Ele irá garantir que o cachorro fique seguro e confortável durante a viagem.

 

Resultado de imagem para cadeirinha para cães

Quais leis preciso seguir para transportar meu animal de estimação?

Não existem leis para transportes de animais que sejam especificamente voltadas a legislar a matéria em questão, contudo há previsões legais acerca do transporte de animais e algumas normas regulamentadoras.

Como disposto na Constituição Federal, os estados tem poder para legislar, em conformidade constitucional, de acordo com os interesses locais. Tendo em vista que o Congresso não legislou acerca do assunto, os Estados e até municípios com leis orgânicas, podem legislar sobre e é o que tem ocorrido.


Cada estado acaba variando alguns pequenos detalhes, como o peso do animal a ser transportado, mas o importante é que haja previsão legal que garanta o direito dos animais de poder viajar.

O que diz o Código de Trânsito Brasileiro sobre como transportar um animal de estimação?

No Código de Trânsito Brasileiro (CTB), há algumas previsões de proibições para o transporte animal, como:

Artigo 252 – É proibido transportar o animal entre o banco do motorista e o banco do passageiro, ou entre o banco e a porta, ou até mesmo no colo do motorista. Praticar tal ato é considerado uma infração média e a pena é uma multa, além da perda de quatro pontos na carteira de motorista.

Artigo 235 – É proibido transportar externamente o animal. Pode soar estranho, mas há quem, estando dentro do veículo, conduza o animal pela guia, que está do lado de fora ou ainda prende gaiolas em cima do teto do carro. Essa conduta é considerada como uma infração grave e resulta em multa e perda de cinco pontos na carteira de motorista.

Dicas de como transportar seu animal de estimação

  • Para evitar acidentes e ter uma viagem desconfortável, garanta que seu animal esteja preso, pois eles são animais e não podemos prever seu comportamento.
  • Procure parar algumas vezes durante a viagem para checar os cintos de segurança e para que seu animal faça xixi ou cocô fora do seu veículo;
  • Nunca transporte seu animal na caçamba de pickups ou caminhonetes, eles podem se ferir e causar acidentes;

Resultado de imagem para Cachorros transportados no teto do carro

  • Leve roupinhas ou paninhos que lembrem a casinha do seu animal, isso faz com que eles se sintam mais seguros e relaxem mais;

E lembrem-se viajar com segurança é fundamental para seus animais e sua família, evitando assim um risco desnecessário, que é muito fácil de ser evitado.

Compartilhe

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.